Por favor, espere...

Tratamento
Laserterapia

Laserterapia

O avanço da tecnologia trouxe uma série de benefícios para diversos campos da saúde. Atualmente, o laser é utilizado em muitos pacientes do Dr. Marcos Blatt para promover um tratamento odontológico mais confortável.

Basicamente, o laser é uma fonte de luz composta por alguns comprimentos de onda, que quando indicados, podem trazer inúmeros benefícios terapêuticos.

De forma prática e eficaz, o método é capaz de realizar uma série de reparações, além de atuar no controle da dor, reduzir os processos inflamatórios e acelerar a cicatrização de lesões e no pós-operatório nas cirurgias orais.

O laser terapêutico apresenta funções biológicas muito importantes, tais como  ações anti-inflamatórias, analgésicas e capazes de cicatrizar e regenerar o tecido. O tratamento não causa nenhuma dor ao paciente, mas pelo contrário, o paciente costuma notar boas melhoras logo após a primeira sessão.:

Alívio da dor
O tratamento proporciona diminuição da dor de diferentes condições, como dores nevrálgicas, pós-operatório de cirurgias orais, mialgias ou de origem pulpar. Um dos casos mais comuns é o da alveolite (processo inflamatório/infeccioso doloroso) que pode ocorrer após a exodontia, também conhecida como extração dental.

Hipersensibilidade dental
Ter dentes sensíveis é um problema que afeta muito pessoas. Isso acontece quando uma parte da raiz do dente fica exposta, causando dores e incômodos. A dor é consequência de uma inflamação na polpa e o melhor tratamento é a remoção da causa, em geral, associada a má posição da oclusão e, após o alinhamento de todos os dentes, conferir se há indicação para enxertos gengivais ou até o laser. Com a aplicação, a inflamação é reduzida e, em alguns casos, o problema é eliminado.

Parestesia e paralisia
A parestesia é consequência de intervenções cirúrgicas, como extração do siso. A condição ocorre quando algum feixe nervoso é atingido, comprometendo a sensibilidade.

Há também as paralisias, que podem ser causadas por infecções bacterianas ou virais. Em ambos os casos, quando indicado, a laserterapia é um ótimo caminho para melhorar as condições, funcionando como um biomodulador e levando mais energia às células.

Herpes labial
Causada por um vírus HSV 1, a herpes labial surge quando estamos com baixa imunidade. Muito comum nos lábios, tem como sintomas coceira e aparição de bolhas e feridas, provocando lesões dolorosas e desagradáveis nos lábios;

O tratamento consiste na aplicação do laser nas lesões, o que estimula o sistema de defesa, reduzindo significativamente o tempo da manifestação e a frequência da doença, melhorando o aspecto estético, diminuindo a dor e estimulando a cicatrização. Ou seja: a aplicação do laser pode reduzir o ciclo das feridas de 7 dias para 2 ou 3 dias.

Aftas
Quem nunca sofreu com as aftas? Para acabar com o problema, quando indicado, o laser é capaz de intensificar a fase de recuperação, diminuindo significativamente a dor local. Aqui, a luz direcionada fará uma bioestimulação do tecido, agindo não somente como regenerador, mas também como anti-inflamatório, reduzindo o tempo da permanência da lesão na boca. Pode ser indicado o uso de laser em crianças para que apresentam aftas.

Neuralgia do trigêmeo
A neuralgia do trigêmeo é um problema que atinge o nervo craniano V, responsável pela sensibilidade. A sua causa ainda é desconhecida e os sintomas são dores intensas com duração de minutos. Com o laser, a região passa pela bioestimulação, regenerando o tecido lesionado e oferecendo ação analgésica ao paciente.

Dores na articulação temporomandibular (DTM)
Quem sofre com dores nessa região com ou sem estalos e restrições nos movimentos de abrir e fechar a boca pode recorrer ao tratamento com o laser. O método oferece ação analgésica, anti-inflamatória e relaxante muscular. Além disso, pode melhorar a circulação sanguínea e repara as fibras que foram prejudicadas. Mas, como em todos os casos anteriores, é preciso remover as causas pois, geralmente, são multifatoriais.

Pacientes Oncológicos

Em pacientes oncológicos que apresentam mucosite, como efeito colateral da radioterapia e da quimioterapia, o uso do laser promove a melhora na condição oral do paciente, permitindo que ele se alimente normalmente, aumentando a imunidade e promovendo um melhor resultado do tratamento contra o câncer.

Entre em Contato agora

Agende uma consulta Preencha o formulário abaixo e que entraremos em contato.

Outros Tratamentos

Facetas de Porcelana

Facetas de Porcelana

O que são facetas de porcelana? Facetas de porcelana são trabalhos...

Ver Mais
Tratamento de Canal

Tratamento de Canal

Muita gente tem medo de ir ao dentista fazer uma consulta de rotina. Mas...

Ver Mais
Cirurgia Ortognática

Cirurgia Ortognática

A cirurgia Ortognática é realizada em ambiente hospitalar sob anestesia...

Ver Mais
Precisa de ajuda? Fale conosco
Siga-nos no Instagram